Grossa Gente Fina

Grossa Gente Fina

Gente que diz que vem
Mas o medo é maior
Gente que é bonita por fora
Mas por dentro é pior

Gente que diz que queria
Mas espera o dia
Gente que se esconde da gente
Só por covardia

Gente que escreve saudade
Na satisfação
Gente que mente respeito
Na explicação

Gente que paga de herói
Em rede social
Gente que diz tamujuntu
Pra ganhar moral

Não perca o chão
Você pode mais
Sem apagar a chama do irmão
Você vive em paz

Gente que se diz por nós
Mas dá cego o no
Gente que derruba os outros
Feito dominó

Gente que arrota certeza
Mas come talvez
Gente que só pensa em si mesmo
Mais de uma vez

Gente que grita cuspindo
Sem ter argumento
Gente que chama de amigo
Mas só no momento

Gente que toca um instrumento
Mas não tem amor
Gente que acha o dinheiro
O maior valor

Não perca o chão
Você pode mais
Sem apagar a chama do irmão
Você vive em paz

Gente que manda o recado
Mas não vai dizer
Gente que muda de lado
Pra aparecer

Gente em que urge o silêncio
Mas fala demais
Gente que tira do amigo
O que for capaz

Gente que condena o planeta
Com o lixo que produz
Gente que não mostra de fato
Ao que te reduz

Gente com soberba demais
Pra se preocupar
Gente com pobrezas mentais
Que não dá pra confiar

Não perca o chão
Você pode mais
Sem apagar a chama do irmão
Você vive em paz

Anderson Ribeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.