Segura na Mão de Deus

Outro dia eu tomava tranquilamente um leite fermentado desses tipo Yakult e de repente senti algo mais sólido passar pela garganta. O pânico foi tanto que não tive nem coragem de tentar interromper o processo para ver o que era. Com aquela atitude muito além da positividade, acabei de tomar com o coração resignado gritando:…

Solitude Ponto Com

Solitude Ponto Com Vazio é quando nunca se tem com quem tomar um café (pode ser cerveja)Quando nunca se tem com quem cravar pensamentosOu quando a música não é motivoÉ quando a infância é só passadoQuando este nunca é sempre o sempreE o às vezes nunca acontece Você está sozinho quando o sorriso tem preçoQuando…

Arremedo de Dor

Arremedo de Dor Uns bilhões para Notre-DameOutros morrem de fome Anderson Ribeiro

Nem Toda Lagarta Morre Borboleta

Nem Toda Lagarta Morre Borboleta Há lagartas que nascem borboletaPorque nem todo rito é um casuloNem toda lagarta morre borboletaPorque nem todo destino tem futuroNem toda autofagia é autoralO poema da borboleta é a vontadeToda lagarta deveria morrer borboleta Anderson Ribeiro

Orquestra de Gente Doida

Orquestra de Gente Doida Uns piamUns miamUns ciamUns iamUns criamUns liamUns riamUns chiamUns que vi, viamOu viam Anderson Ribeiro

Analógico 0101

Analógico 0101 Poucas palavrasMuito sentidoE sua cobrança veladaMata minha paz amada É que somos pequenosEu menor aindaE cada vez queMe esqueço dissoDiminuo A oferta é vastaO crivo falhoE o deslumbramento do terÉ o empobrecimento do ser A tecnologia é leveMas a pena é pesadaO futuro retrocedeNão obstanteO passado urge Anderson Ribeiro