Dicotomia

Dicotomia E eu que não queria ser dono de nada Tenho que tomar conta de um mundo Adornos de minha poesia pragmática Esses castigos de matemática Redenção não é meu forte E hoje só sonho por esporte Assisto meu túmulo que jazz por mim What I can do for him? Aquele meu eu Este meu…