Coma!

Coma!

Quando o silêncio está
Entre o luto e a luta
O desvelo é o idioma
Dos sóbrios semelhantes

E o que vem antes
Vem depois
Da tradução
Aos distantes

Anderson Ribeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.